Viver perigosamente

7 02 2017

“Por isso milhões de pessoas decidem permanecer sementes. Mas permanecer semente é permanecer morto, permanecer semente é não viver de modo algum. Certamente ela está segura, mas não tem vida. A morte é segura, a vida é insegurança. A pessoa que realmente quer viver, tem que viver em perigo, em constante perigo. Aquele que quer alcançar os picos tem que correr o risco de se perder. Aquele que quer escalar os mais altos picos tem que correr o risco de cair em algum lugar, de escorregar.

Quanto maior o desejo de crescer, mais e mais perigo tem de ser aceito”.

Osho. Relacionamento – amor e liberdade.