Remédio

27 05 2014

Remédio

“Um remédio chamado abraço que cura descompasso de coração”.

Fábio Chap





Outra frequência

25 11 2012

“Seria mais fácil…
Fazer como todo mundo faz
Caminho mais curto
Produto que vende mais…

Mas nós dançamos no silêncio
Choramos no carnaval
Não vemos graça nas gracinhas da tv
Morremos de rir no horário eleitoral…

Sabemos que não é bem assim…”

Humberto Gessinger, música “Outra frequência”





Apatia

9 04 2011

“_Ed?_ Richie diz mais tarde. Ainda estamos dentro da água. _Só tem uma coisa que eu quero.
_O que é Richie?
Sua resposta é simples:
_Querer.”

Markus Zusak. Livro “Eu sou o mensageiro”.





Acredito nas noites

28 04 2010

“Tu, escuridão da qual descendo
de ti gosto mais que da labareda:
ela reduz
o mundo em que reluz
a uma espécie de círculo
fora do qual nenhum ser a conhece.

já a escuridão, em si tudo contém:
formas e flamas e animais, e eu
– assim como também ela reúne
pessoas e potências…

e pode ser isto: uma grande força
a se mover nos subúrbios de mim…

Acredito nas noites.”

Rainer Maria Rilke. Livro “O livro de Horas”.





Dia plástico

28 04 2010

“A hora inclina-se e toca em mim
com claro bater metálico.
Os sentidos me tremem. Sinto: eu posso!
E colho o dia plástico.
Nada estava acabado antes de eu ver:
todo o devir aguardando em quietude.
Maduros meus olhares: a cada um,
como uma noiva, chega a coisa ansiada.
Nada é pequeno para mim: gosto de tudo
e tudo eu pinto sobre ouro com grandeza
e bem alto o levanto – sem saber de quem
vai a alma libertar.”

Rainer Maria Rilke. Livro “O livro de horas”.