Disfarçando…

6 01 2010

“Ele olhava aquilo com o estranho interesse que tentamos manifestar pelas coisas triviais, quando estamos preocupados com problemas de alta importância que nos espantam; ou quando nos sentimos agitados por alguma nova sensação, para a qual não podemos encontrar expressão, ou ainda quando algum pensamento nos aterroriza, nos sitia de repente o cérebro e nos intima a ceder. Depois de algum tempo a abelha levantou vôo. Viu-a penetrar no cálice pintado de um conválvulo tírio. A flor pareceu tremer e depois balançou-se no ar suavemente.”

Oscar Wilde. Livro “O retrato de Dorian Gray”.


Ações

Information

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: